Brasília, 29 de Maio de 2020
Página inicial
Quem somos
Contato
Cadastre-se
Anuncie aqui
Notíias | Entrevistas | Notas | Artigos | Enquete | TV Câmara | TV Senado | Agendas

Anuncie Aqui

VIAGEM
Bolsonaro minimiza em Tóquio a crise interna do PSL 21.10.2019
Agência Brasil

 Tóquio - O presidente Jair Bolsonaro desembarcou nesta segunda-feira (21) em Tóquio, no Japão, onde começa a sua viagem por cinco países da Ásia e Oriente Médio. A comitiva presidencial chegou pouco antes das 14h (horário local).

 

O primeiro compromisso de Bolsonaro é a entronização do imperador Naruhito. A cerimônia para celebrar a sua ascensão ao trono ocorrerá no Palácio Imperial, amanhã (22). Em maio, Naruhito participou de atos nos quais herdou as insígnias imperiais de seu pai e fez o seu primeiro discurso na posição de imperador.
 
O presidente Jair Bolsonaro criticou nesta segunda-feira (21) "gente novata achando que chega e já sabe de tudo" no PSL, partido ao qual é filiado e vem enfrentando racha interno nos últimos dias. O presidente, por outro lado, negou que haja crise, mas disse que o que ocorre atualmente é como "ferida" que "cicatriza naturalmente".
 
Bolsonaro falou com jornalistas enquanto caminhava pelas ruas de Tóquio. Ele embarcou na noite de sábado para uma viagem que inclui passagem por Japão, China, Emirados Árabes, Catar e Arábia Saudita. O objetivo da viagem é ampliar as relações comerciais com países da Ásia e do Oriente Médio.
 
Perguntado sobre se acha que há crise no partido, Bolsonaro negou. "Não há crise nenhuma, zero", disse, destacando que "o Senado que decide amanhã a Previdência".
 
Em seguida, no entanto, ao ser questionado sobre se consegue ver expectativa de um desfecho do caso, afirmou: "Essas coisas acontecem. É igual a uma ferida, cicatriza naturalmente".
 
Ainda em Tóquio, estão previstos encontros do presidente brasileiro com o presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelenski, com o primeiro-ministro do Japão, Shinzō Abe, com empresário japoneses e com a comunidade brasileira no Japão. Na quinta-feira (24), a comitiva presidencial partirá para a China, depoiis Emirados Árabes, Catar e Arábia Saudita.
Com Agência Brasil e Portal G1
 


ABC POLITIKO - LINHA DIRETA COM O PODER
COMENTE ESTE ARTIGO   LEIA COMENTÃ?RIOS (0)  

Voltar a Página Principal Voltar a Página Principal Voltar a Página Principal Voltar a Página Principal
CONTEÚDO RELACIONADO

28-05-2020 Datafolha aponta que 43% dos brasileiros rejeitam Bolsonaro
28-05-2020 Decisão sobre investigação de fake news será do pleno do STF
28-05-2020 Maia apela para volta do diálogo e do respeito institucional
28-05-2020 Bolsonaro diz que "ordens absurdas não se cumprem"
28-05-2020 Augusto Aras rejeita apreensão do celular do presidente
28-05-2020 Mendonça pede habeas corpus para livrar Weintraub de depor
VEJA MAIS

28-05-2020 Datafolha aponta que 43% dos brasileiros rejeitam Bolsonaro
28-05-2020 Decisão sobre investigação de fake news será do pleno do STF
28-05-2020 Maia apela para volta do diálogo e do respeito institucional
28-05-2020 Bolsonaro diz que "ordens absurdas não se cumprem"
28-05-2020 Augusto Aras rejeita apreensão do celular do presidente

VEJA TODOS

SRTVN Quadra 701 Bloco B Sala 826 - Centro Empresarial Norte | Brasília - DF | CEP 70710-200 | Fone: (61) 3328-2991 | Fax: (61) 3328-2152